imagens anúncios criadores
sites
 
CLASSIFICADOS
   Ver Anúncios
   Ver Anúncios-Pro
FORMULÁRIOS
   Inserir Anúncio
   Inserir Anúncio-Pro
   Inscrição de Criador
   Recomendar Site
   Contacto
GUIAS
   Exposições / Eventos
   Resultados / Fotos
   Clubes / Associações
   Criadores
   Tabela de Anilhas
   Feiras Locais
   Guia de Sites
   Parques Ornitológicos
   Endereços Úteis / SOS
   Espécies de Portugal
   Classific. das Aves
   Birdwatching
ARTIGOS
   Notícias
   Standards
   Artigos de Criadores
   Espécies
   Sexagem DNA
AS AVES
   Prólogo
   Introdução
   Anatomia: esqueleto
   Anatomia: bicos
   Anatomia: pegadas
   Anatomia: penas
   Criação
   Macho ou Fêmea?
   Alimentação
   Cuidados
   Doenças
   Os Ninhos
   Observação
   Aves de Capoeira
   Tropicais
   Fósseis
   Extintas
COLUMBÓFILIA
   Introdução
   Evolução
   Aves de Guerra
   Nas Escolas
   Eventos em destaque
DEFINIÇÕES
   Dicionário: Orni
   Ornitologia
   Avicultura
   Columbofilia
   Estrutiocultura
LEGISLAÇÃO
   CITES
   Direitos dos Animais
   Convenção Europeia
   Decreto-Lei 140/99
   Decreto-Lei 49/2005
   Portaria 7/2010
MULTIMÉDIA
   Revistas
   Telemóveis
   Animações 3D
   Sons
   Vídeos
   Downloads
DIVERSOS
   É Viciado em Aves?
   Filatelia
   Extremos
   Curiosidades
   Provérbios
   Humor
INFANTIL
   Jogo do Galo
   Puzzle
   Bico de Papel
PRODUTOS
   Livros
   DVD's
   Software / Outros
AVESPT.COM
   Links
   Sobre...
   Publicidade
   Cartaz
   Nosso Link / Banner
   Como utilizar
   Bibliografia
 
 
Facebook

 
SPEA

















 
CARTAZ AVESPT.COM







 
  conteúdos/as_aves/os_ninhos  

OS NINHOS


      Os ninhos das aves têm formas extraordinariamente variadas. Tanto podem ser pequenas saliências de saliva que se colam às paredes das grutas, longos túneis que ocupam muitos metros de solo, como, no caso de algumas águias, pilhas maciças de ramos que pesam mais do que um automóvel. Mas os familiares são, sem dúvida, os ninhos em forma de taça funda, feitos por aves de regiões arborizadas, sebes e quintas. Apesar da sua semelhança quanto à forma, os pequenos pormenores destes ninhos identificam as suas obreiras com tanto rigor como se de uma impressão digital se tratasse.


Teias de aranha como alicerce

Para fazer o seu ninho, um tentilhão estende primeiro fios de teia de aranha em redor de um grupo de ramos bifurcados. Estes constituem o suporte do ninho. Depois de se certificar de que a estrutura está firme, a ave constrói a taça com musgo, líquenes e fibras vegetais, revestindo-a depois com penas e pêlos. A recolha destes materiais de construção é uma tarefa árdua. Se por qualquer motivo o tentilhão resolve achar o seu ninho pouco seguro, transporta os materiais do ninho para um novo local, para evitar trabalho extra.


Penas em segunda mão

As penas são uma parte importante de muitos ninhos. Aves canoras como rabirruivo, cujo ninho está aqui representado, recolhem penas que outras aves deixaram cair, enquanto aves aquáticas e pernaltas recorrem às suas próprias penas. Algumas aves pequenas, como os pardais, melhoram o abastecimento natural, puxando penas do dorso de aves maiores.


Obra-prima em lama

Muitas aves que fazem o ninho em forma de taça utilizam lama como material de construção, mas em muitos casos ela é aplicada em camada logo abaixo do revestimento final de penas, pêlos ou palhas. O tordo comum é um caso raro, porque utiliza a lama como único revestimento. A ave constrói uma parte exterior sólida com tronquinhos e palha e depois espalha o revestimento semilíquido no interior. Embora a lama constitua a maior parte da mistura, esta também contém saliva e esterco de animais. Uma vez aplicado, o revestimento endurece. Mesmo depois de as aves terem abandonado o ninho, ele pode resistir à chuva durante muitos meses.

 
 




Criador de Aves em Portugal - Guia de Iniciação


 












 








 

Fique actualizado com as novidades do avespt.com!

 


 

O que acha deste site?
Escreva a sua opinião ou deixe-nos uma sugestão para o podermos melhorar!

 


 

Se acha que este site pode ter interesse para um conhecido seu, nós enviamos-lhe uma recomendação por e-mail!



 











































  
Desde 2001 © AvesPT.com | melhor visualização: 1024 x 768 pixeis | webdesign e autoria: joseveiga